Prevenção primária

Evitar a exposição ao tabaco (medidas ativas e passivas) e fumaças tóxicas é de inestimável importância na prevenção primária da doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Deve-se oferecer a todos os fumantes intervenções com o objetivo de promover o abandono do hábito de fumar, incluindo farmacoterapia e aconselhamento. Embora o abandono do hábito de fumar possa estar associado a efeitos adversos menores de curta duração, como ganho de peso e constipação, seus benefícios em longo prazo são inquestionáveis.[20] Para doenças decorrentes da exposição ocupacional, a prevenção primária é obtida pela eliminação ou redução das exposições no local de trabalho.

Prevenção secundária

A vacinação contra a gripe viral (influenza) e o Streptococcus pneumoniae é fortemente recomendada para todos os pacientes com doenças cardiopulmonares, inclusive a DPOC.

O uso de cálcio e outros medicamentos pode ser necessário para prevenir ou tratar a osteoporose em alguns pacientes, sobretudo em mulheres mais velhas que estejam sob corticoterapia de longo prazo. Os exames de densidade óssea são feitos para avaliar a progressão dessa condição.

Há dados conflitantes sobre as antibioticoterapias profiláticas. Pode-se considerar o uso de antibióticos profiláticos como os macrolídeos para a redução do risco de exacerbação aguda.[145][146] Embora as diretrizes atuais ainda não defendam o uso de antibióticos profiláticos, as evidências do estudo MACRO sugerem que a azitromicina reduz o risco de exacerbações agudas em pacientes com DPOC. No entanto, quando administrada por 1 ano, o efeito colateral mais evidente foi a perda auditiva.[147] [ Cochrane Clinical Answers logo ] Acredita-se que a terapia com azitromicina seja a mais efetiva na prevenção de exacerbação aguda, com grande eficácia em pacientes idosos e em estágios mais leves de Global Initiative for Chronic Obstructive Lung Disease (GOLD). Poucas evidências do benefício do tratamento são observadas em fumantes atuais.[115]

Recomenda-se atividade física para todos os pacientes com DPOC.[1]

O uso deste conteúdo está sujeito aos nossos avisos legais