Diagnósticos diferenciais

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Nenhum sinal ou sintoma diferenciador, sobretudo na doença pulmonar. A presença de sinusite associada torna a aspergilose menos provável.

Investigações

A histopatologia na aspergilose demonstra hifas septadas estreitas (2.5-4.5 micrômetros), ramificando em um ângulo agudo de 45°.

O ensaio de galactomanano sérico positivo pode favorecer o diagnóstico de aspergilose.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Clinicamente indistinguível da mucormicose nos estágios iniciais, mas geralmente responde à terapia antibacteriana e não apresenta escara necrótica.

Investigações

A punção do seio nasal com cultura pode ser indicada quando antibióticos padrões falharem; no entanto, isso é considerado controverso.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Não há nenhum sinal ou sintoma diferenciador nos estágios iniciais, mas geralmente não apresenta fatores de risco, apresenta história de trauma, e responde à terapia com antibacterianos.

Investigações

Culturas de swab de sangue/olho: positivas para cultura bacteriana.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Linfomas de célula B ou células T podem ter presença de linfadenopatia em outro local do corpo.

Investigações

A histopatologia da biópsia é crucial e demonstra células atípicas consistentes com linfoma.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Pode apresentar insuficiência renal e manifestações sistêmicas de vasculite, além de sintomas sinusais semelhantes à mucormicose.

Investigações

Exame de sangue: anticorpos anticitoplasma de neutrófilo positivos (ANCA) podem ajudar a diagnosticar granulomatose com poliangiite, mas um teste ANCA negativo não a exclui. Além disso, a granulomatose com poliangiite e a mucormicose podem coexistir, sobretudo em um paciente tratado com imunossupressores para a granulomatose com poliangiite.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Nenhum sinal ou sintoma de diferenciação.

Investigações

A aspiração e cultura do líquido do abscesso é positiva para a bactéria.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Lesões com aparência necrótica na pele, às vezes com eritema ao redor, que ocorrem tipicamente na presença de sepse pseudomonal. Populações de hospedeiros semelhantes são vulneráveis.

Investigações

A cultura das lesões é positiva para a bactéria.

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Pacientes com fusariose apresentam uma alta incidência de lesões cutâneas como manifestação de doença disseminada em >50% a 60%, em oposição a <5% a 10% em mucormicose.[33]

As lesões são clinicamente indistinguíveis de mucormicose.

Investigações

Alta incidência de hemoculturas positivas (>50% dos pacientes) em oposição à raridade de hemoculturas positivas em mucormicose (<5%).[33]

SINAIS / SINTOMAS
Investigações
SINAIS / SINTOMAS

Residência/viagem para um país/área ou território com transmissão local ou contato próximo com um caso confirmado, ou provável de COVID-19 nos 14 dias anteriores ao início dos sintomas.

A situação está evoluindo com rapidez; consulte nosso tópico sobre COVID-19 para obter mais informações.

Investigações

Reação em cadeia da polimerase via transcriptase reversa em tempo real (RT-PCR): positiva para RNA de síndrome respiratória aguda grave por coronavírus 2 (SARS-CoV-2).

O uso deste conteúdo está sujeito ao nosso aviso legal