Critérios

Classificação da New York Heart Association (NYHA)[88]

Esta classificação é baseada em sintomas e foi usada, principalmente, como um modo rápido de descrever as limitações funcionais. Os sintomas de insuficiência cardíaca podem progredir de uma classe para outra em um determinado paciente, mas também podem regredir; por exemplo, um paciente com sintomas de classe NYHA IV pode ter uma melhora rápida para a classe III com terapia diurética, apenas.

  • Classe I: leve. Nenhuma limitação da atividade física. A atividade física habitual não provoca fadiga, palpitações ou dispneia indevida.

  • Classe II: leve. Pequena limitação da atividade física. Confortável em repouso, mas a atividade física habitual resulta em fadiga, palpitações ou dispneia.

  • Classe III: moderada. Limitação evidente da atividade física. Confortável em repouso, mas a atividade leve provoca fadiga, palpitações ou dispneia.

  • Classe IV: incapaz de realizar qualquer atividade física sem desconforto. Sintomas de insuficiência cardíaca no repouso. Se for realizada qualquer atividade física, o desconforto aumenta.

O uso deste conteúdo está sujeito aos nossos avisos legais