Monitoramento

O monitoramento de longo prazo de pacientes com bronquite aguda raramente é necessário. Na maioria dos pacientes, os sintomas remitem em algumas semanas. Em pacientes com síndrome pós-bronquite, podem ser necessárias avaliações adicionais para descartar outras causas de tosse crônica, como asma, gotejamento pós-nasal, refluxo gastroesofágico, uso de inibidores da enzima conversora da angiotensina (ECA) ou infecções (por exemplo, tuberculose).

O uso deste conteúdo está sujeito aos nossos avisos legais